VESTIMENTAS DE PROTEÇÃO UTILIZADAS PARA SOLDAGEM E PROCESSOS SIMILARES

A norma ISO 11611: 2015 especifica os requisitos mínimos de segurança básica e os métodos de teste para roupas de proteção, incluindo capuzes, aventais, mangas e polainas que são projetados para proteger o corpo do usuário, incluindo cabeça (capuzes) e pés (polainas) e que devem ser usados durante a soldagem ou processos com riscos similares.

Este tipo de vestimenta destina-se a proteger o usuário contra respingos (pequenos salpicos de metal fundido), ou seja, curto período de contato com a chama.

A ISO 11611:2015 especifica duas classes com requisitos de desempenho específicos: a Classe 1 que é o nível mais baixo e a Classe 2 que é o nível mais alto.

Classe 1 é a proteção contra técnicas e situações de soldagem menos perigosas, causando níveis mais baixos de respingos e calor radiante.

Classe 2 é a proteção contra técnicas e situações de soldagem mais perigosas, causando níveis mais elevados de respingos e calor radiante.

 

Classificação de respingos de Metal Fundido – ISO 11611

 

Pictograma e classificação A1 de ensaio de propagação de chamas ISO 11611

Ou

Pictograma e classificação A1 e A2 de ensaio de propagação de chamas ISO 11611