Cuidados para higienização dos uniformes profissionais e vestimentas técnicas

WhatsApp-Image-2019-09-24-at-17.12.16-150x150
Os uniformes profissionais convencionais e os EPIs. – Equipamentos de Proteção Individual (vestimentas técnicas) dedicadas a NR 10 e respingos de metal fundido necessitam de uma série de cuidados para que possam oferecer uma boa durabilidade e segurança ao usuário. A durabilidade da peça de roupa está relacionada diretamente com a sua utilização, levando-se em consideração alguns fatores tais como: frequência da lavagem, tipo de lavagem (doméstica ou industrial), sujidade, umidade, contato com produtos químicos, tração e abrasão em que as peças de roupas são submetidas pelo usuário no exercício das atividades diárias, tempo de exposição, utilização no ambiente de trabalho, hábitos, costumes, entre outros. No que tange a questão da higienização, temos dois tipos a saber: a lavagem doméstica para peças com menor sujidade e a lavagem industrial para peças com alto grau de sujidade, porém para cada tipo de tecido o fabricante indica algumas condições específicas que devem ser respeitadas. Sabendo que as vestimentas técnicas são EPIs. e que delas depende a segurança dos usuários nas atividades ligadas a NR 10 e respingos de metal fundido, é de extrema importância que sejam bem cuidadas para que ofereçam a proteção adequada dentro de cada cenário de trabalho.   Na lavagem doméstica alguns cuidados básicos devem ser seguidos tais como: * Esvaziar bolsos, virar a peça de roupa e a gola no avesso; * Não deixar as peças de molho, não utilizar alvejantes a base de cloro; * Não esfregar a peça sobre a pedra do tanque ou mesmo com escova, devido ao desgaste da superfície do tecido, afetando significativamente sua durabilidade e ocasionando desbote excessivo; * Não utilizar sabões convencionais ou amaciantes de roupas na lavagem, pois a presença de águas ricas em sais de cálcio e magnésio formam resíduos de espuma, os quais ficam impregnados na peça e podem se inflamar comprometendo a segurança do usuário; * Lavar as peças retardantes a chama separadamente, visando evitar a contaminação por fiapos, acabamentos de superfície e outros materiais inflamáveis; * Enxaguar muito bem as peças para que o sabão seja eliminado; * Secar a peça de preferência na sombra ou colocá-la no avesso quando exposta ao sol.   Quanto a lavagem industrial os cuidados são:
  • As peças de roupas impregnadas com alto grau de sujidade proveniente de contaminantes inflamáveis, como óleo, solvente, entre outros, devem ser lavadas a seco;
  • Se após a lavagem não forem removidos os contaminantes, as peças deverão ser descartadas.
  • Quando as peças de roupas forem contaminadas por materiais de risco, somente a lavagem industrial com utilização de produtos adequados garantirá uma limpeza segura e eficaz.
É importante salientar que tanto na lavagem doméstica quanto na industrial, deve-se observar e seguir rigorosamente as informações contidas nas simbologias descritas nas etiquetas fixadas nas peças de roupas e no guia do usuário.

FALE CONOSCO

Tire suas dúvidas com nossos atendentes através do e-mail